Blog

Home / Archive by category "Blog"
Cabos metálicos, o barato pode sair caro!

Cabos metálicos, o barato pode sair caro!

A crescente oferta de cabos categoria 5e para atendimento residencial, e o aumento da demanda de cabos em categoria superiores, gera uma grande expectativa do mercado de preços menores para estes tipos de cabos LAN, forçando os comerciantes procurarem alternativas como a importação de cabos com baixo custo ou a produção de cabos com elementos adversos às normas internacionais reconhecidas.

Em especial, um cabo de baixo custo que está presente no mercado brasileiro é o cabo categoria 5e com condutores de alumínio cladeado com cobre, conhecidos como CCA (copper clad aluminium). O termo “cladeado” um termo coloquial – originário da língua inglesa: to clad, cladding, etc- utilizado para representar a junção de dois tipos de metal: um revestindo o outro e formando uma solda permanente na interface comum a ambos, sendo também conhecida como conexão bimetálica.

Clique no botão abaixo e tenha acesso ao informativo técnico completo:

Saiba Mais

Flamabilidade, o que é isso?

Flamabilidade, o que é isso?

A preocupação de fabricantes, instaladores e usuários quanto à segurança dos cabos internos utilizados em instalações em edifícios em caso de incêndios, aumenta cada dia mais em função da quantidade crescente de cabos utilizados nessas condições.

A segurança oferecida pelos cabos é um ponto chave para a escolha de produtos, garantindo a integridade das pessoas e proteção de equipamentos e altera a visão de custos/benefícios consideradas até então. As vantagens referentes à segurança das pessoas, proteção aos equipamentos e investimentos são fatores importantes observados em novos edifícios, centrais telefônicas e instalações elétricas em geral.

Os cabos fabricados com características de retardância à chama têm como objetivo principal evitar a propagação do fogo em caso de incêndio. Assim, evita-se o uso de cabos que utilizam coberturas com materiais que propaguem o fogo para uso interno, substituindo-os por outros com melhor desempenho quanto ao comportamento frente à chama.

Definir o tipo de cabo utilizado num projeto é fundamental para a proteção ou construção da infraestrutura. Por isso é importante entender as características de flamabilidade e aplicações dos cabos utilizados em uma infraestrutura de rede.

As classificações de cabos para instalações internas são:

• CMX – Cabo Metálico (Uso Limitado)

• COP / CMP – Cabo Óptico / Metálico Plenum

• COR / CMR – Cabo Óptico / Metálico Riser

• COG / CM – Cabo Óptico / Metálico (Uso Geral)

• LSZH – Low Smoke Zero Halogen (baixa emissão de fumaça e zero halogênio)

 

No vídeo acima, o cabo com capa em PVC (à esquerda) e o cabo com LSZH (à direita) são expostos à chama, simulando o que acontece em caso de incêndio. Percebe-se que em um determinado momento torna-se impossível ler a placa informando a saída de emergência (lado esquerdo).

Clique no botão abaixo e tenha acesso ao informativo técnico completo:

Saiba Mais

 

 

Fonte: 

• NBR 14705 – Cabos internos para telecomunicações – Classificação quanto ao comportamento frente à chama

• Furukawa